fbpx

O surreal crescimento do mercado online

Publicado por Joh Panichi em

A internet possui a modalidade de compra online há 32 anos, quando em 1990, Tim Berners-Lee criou o primeiro servidor world wide web (rede mundial de computadores), e em 1991, essa primeira rede mundial de computadores já estava apta para o uso comercial.

Em 1994 apareceu os primeiros serviços de banco online, uma loja de pizza online aberta pela Pizza Hut, a empresa alemã Intershop abriu seus primeiros serviços de compra online. Em seguida, no ano de 1995, a Amazon deu as caras e em 1996, veio o eBay.

E afinal… Qual foi o primeiro produto vendido na internet? O primeiro produto a ser vendido de forma online foi um CD do artista Sting (Ten Summoner’s Tales) no dia 11 de agosto de 1994. O CD custou 12,48 Dólares e a compra foi feita através de uma tecnologia que permite encriptar (deixar seguro de forma que ninguém pode colocar) o cartão de crédito.

Estamos falando aqui da modalidade E Commerce. E Commerce é uma modalidade digital de venda de produtos físicos integrados à logística para chegar até o comprador que comprou os produtos de forma digital ou o comprador retira o produto na loja ou em alguma agência, como fazem algumas lojas como Casas Bahia, Lojas Americanas e Magazine Luiza.

Inclusive, esta última foi a primeira loja do Brasil a utilizar a modalidade E Commerce, seu início no E Commerce foi no ano de 1992.

É claro que nos primórdios do mercado online não era igual hoje, era tudo muito limitado, não haviam muitas variedades de produtos, até mesmo porque era muito novo e por ser muito novo não eram todas as empresas que podiam aderir ao E Commerce, visto que o valor era relativamente alto para algumas empresas. Não era como hoje que, se você quiser, você pode criar sua própria loja na internet (até mesmo de graça). Inclusive, recomendamos que leia este artigo nosso “6 Passos para um E Commerce de sucesso” caso deseje conhecer mais, saber como funciona e até mesmo investir em um E Commerce.

Agora que você já sabe como tudo começou, vamos falar do…

Crescimento do E Commerce brasileiro. 20 anos do E Commerce nacional (2001 a 2021)

Temos alguns dados interessantes para te mostrar. Vamos fazer um tour pelos 21 anos do E Commerce nacional (2001 a 2021) e mostrar o crescimento do E Commerce no país.

2001

Em 2001, o E Commerce no Brasil faturou 550 milhões de reais.

2002

No ano de 2002, o faturamento do E Commerce brasileiro foi de 900 milhões de reais.

2003

O ano de 2003 foi marcado como a casa dos bilhões para o E Commerce brasileiro, neste ano o E Commerce no país faturou 1,2 bilhão de reais.

2004

O faturamento do E Commerce  alcançado em 2004 no Brasil foi de 1,8 bilhões de reais.

2005

Em 2005 o faturamento foi de 2,5 bilhões de reais movimentados no E Commerce brasileiro.

2006

R$ 4,4 bilhões de reais.

2007

R$ 6,3 bilhões.

2008

R$ 8,2 bilhões de reais.

2009

Em 2009 o E Commerce nacional atingiu R$ 10,5 bilhões de reais.

2010

No ano de 2010 foram R$ 14,8 bilhões faturados.

2011

R$ 18,7 bilhões foram movimentados neste ano no E Commerce brasileiro.

2012

Neste ano o faturamento ultrapassou os 20 bilhões de reais, foram R$ 22,5 bilhões faturados em 2012.

2013

Quase chegou na marca dos 30 bilhões de reais, sendo um total faturado de R$ 28 bilhões.

2014

R$ 35,8 bilhões foram faturados no ano de 2014.

2015

E os números só vão crescendo. Em 2015, o faturamento do E Commerce nacional foi de R$ 41,3 bilhões.

2016

Em 2016, os reais movimentados no E Commerce foram de R$ 44,4 bilhões.

2017

R$ 59,9 bilhões foram faturados no ano de 2017.

2018

Já estamos quase no final. Em 2018 foram R$  53,2 bilhões faturados, houve uma queda em relação ao ano de 2017.

2019

Em 2019, o valor faturado foi de R$ 61,9 bilhões.

2020

Agora o valor faturado no E Commerce passou dos 100 bilhões, neste ano foi registrado um total de 126,3 bilhões.

2021

No ano passado, em 2021, mesmo com a pandemia em alta que aconteceu em 2020, o valor faturado no E Commerce nacional foi de R$ 161 bilhões.

Podemos tirar de conclusão destes dados que o E Commerce nacional vem ganhando cada vez mais espaço para os negócios, visto que a tendência dos valores é só crescer. 

E isso acontece porque as pessoas estão cada vez mais conectadas, e você precisa estar onde as pessoas estão, na internet. Seu negócio precisa estar na internet para cada vez mais trazer novos clientes e assim, realizar mais vendas.

Foi-se o tempo em que as pessoas, em sua maioria, procuravam os produtos nas lojas físicas, hoje elas estão na internet.

Sabia que metade dos brasileiros preferem fazer compras online? E o porquê disso é que, ao realizar compras online o consumidor tem mais praticidade, conforto, mais calma para escolher os produtos, mais facilidade para encontrar preços menores e economia de tempo, visto que não é necessário sair de casa para realizar a compra online.

Literalmente temos um shopping em casa na palma da mão (celular) ou no computador.

Mas, será que você, vendedor local de suplementos (exemplo) pode ter um E-Commerce e vender para todo o Brasil?

Sim! Você pode e inclusive você deve (se seu objetivo for vender mais, expandir mais e lucrar mais). Com um E Commerce é uma ótima estratégia de vendas, sua loja passa só do meio físico e vai também para o digital, onde as pessoas sempre estão, e sem contar que é na internet que a maioria das pessoas buscam solucionar seus problemas. 

Passando a estar presente tanto no físico quanto no digital, seu negócio começa a ter mais visibilidade, autoridade, divulgação, expansão, vendas e você começa a lucrar mais.

Conclusão

Primórdios, dados, porque as pessoas preferem comprar online e porque seu negócio não pode ficar de fora do digital. Estes foram os temas abordados neste artigo. 

Se pensarmos lá no início, em 1994, quando o primeiro produto foi vendido de forma online, talvez não se faziam ideia do que iria se tornar o mercado online, afinal, estamos falando de uma modalidade de vendas mundial, mas mesmo no Brasil, donos de E Commerce faturam milhões.

E indo para os dados, quando abordamos os 20 anos de E Commerce nacional, de 2001 a 2021, os números só cresceram, houve apenas uma queda em 2018. E inclusive, o fator pandemia contribuiu bastante para o crescimento do E Commerce, afinal, as pessoas não podiam sair de casa e os comércios estavam quase todos fechados, somente o essencial funcionava.

Ter uma loja virtual é uma ótima forma de expandir o seu negócio e aumentar os lucros. O mercado online teve um crescimento surreal desde seu início, apesar de ser de fato a realidade.

E agora, para o ano de 2022, como diz a ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico), a expectativa de faturamento é de R$ 169,5 bilhões.

E em janeiro deste ano, o E Commerce registrou uma alta de 20,56%.

Portanto, podemos concluir que ter uma loja online e acompanhar a evolução do mercado online é fundamental para o seu negócio. As pessoas estão conectadas e seu negócio precisa estar onde as pessoas estão.


0 comentário

Deixe um comentário

Avatar placeholder

O seu endereço de e-mail não será publicado.